Quanto custa um anel de noivado?

Por razões pessoais pelas quais vocês podem todas e todos me parabenizar (ou não) depois, estive recentemente (ok, já faz uns meses), procurando saber quanto custa e quanto é razoável pagar em um anel de noivado. Haja vista que as duas coisas são bem distintas e tendem a se diferenciar quando se trata de um mercado de luxo. Eu descobri duas informações preciosas relativas ao processo todo.

Um, que eu nunca cogitei existir, é que há uma série de mitos, ditados e recomendações quanto se trata do valor a pagar. Parece ser um consenso em seriados americanos que o valor justo é o equivalente a 3 salários. É claro que se você ganha muito pouco, isso não será suficiente, e se você ganha demais é possível que apenas um seja suficiente.

O absurdo que é esta regra me deixou pensando, claro, que diabos eu faço nos três meses de salário que terei gastado com um anel? Bem, não suponho que você deva economizar todo seu dinheiro para depois gastar de uma vez, mas sim, usar o valor como referência e dividir em dolorosas prestações (joalherias não dividem em 24 ou 30 para começar a pagar no ano novo) e sofrer meses a fio. Considerações anticapitalismo e educação financeira à parte, vamos ao que considero o bolo da cereja de todo

Informação dois sobre o processo, há um universo de pessoas pensando em como calcular o quanto você deve pagar com fatores muito mais complexos do que seu salário.

Foto de el_finco no Flickr em CC, alguns direitos reservados.

Foto de el_finco no Flickr em CC, alguns direitos reservados.

Olha, eu bem que gostaria de dizer que existe uma porção de referências questionando os rituais aos quais nos submetemos e somos submetidos e, principalmente, dizendo NÃO aos lados obscuros, capitalistas e porcos do mercado de joias, mas a verdade é que apesar de existirem, são minoria e que o tema de hoje é muito mais indigesto.

Pois bem, me deparei com o Engagement Ring Calculator, que combina alguns fatores.

A primeira parte, claro, é sobre o quanto você ganha, se tem dívidas, etc. Depois é só ladeira abaixo. Entre se a moça aluga, tem um apartamento ou mora com os pais, até qual o nível de educação dela, se ela já te traiu, ou se ela te pegou fazendo isso, passando por se ela é selvagem na cama e quantas vezes vocês transam ou brigam no mês.

Pois bem, eu fiz dois testes (mas dá para brincar muito mais com as variáveis para ver como funciona a mente de um machistinha). Mantive a renda (24.000 dólares anuais) e pessoas sem dívidas, mantive fixas as expectativas da moça e dos amigos, escolhi ambos morando com os pais e com graduação, em um relacionamento de mais de três anos, mas, no primeiro, se trata de uma moça que está “se guardando para o casamento”, cozinha bem e nunca te pegou traindo. Esta moça merece um anel de 8.700 dólares.

No segundo, a moça é selvagem na cama, não cozinha bem, já te traiu e já te pegou traindo. Esta moça merece um anel de 344 dólares. O quer mais pega, na diferença é se ela já te traiu e se ela já te pegou traindo. E principalmente, se ela está grávida. Se estiver, o primeiro anel cai para cerca de 350 dólares (embora seja incompatível uma virgem grávida) e o segundo fica em pouco mais de 100.

É claro que é mais uma constatação de que é nojento a forma como o machismo funciona para determinar o que são comportamentos corretos, e quanto vale investir em algo que (supostamente ou socialmente), tem um grande valor no começo de um casamento. Para minha surpresa, ser virgem não conta tanto e, mais ainda, ser selvagem na cama significa que ela vale mais e não menos (para mim a lógica seria de que moças para casar não pudessem ter comportamentos de vadia).

Estamos no caminho certo? Não. Absolutamente não. Ainda estamos quantificando quanto vale a relação com base nos comportamentos e não nos sentimentos. E, enquanto financiamos sujos mercados, tentamos encontrar qual a função certa para demonstrar quanto vale o bom comportamento das mulheres que (supostamente ou idealmente) amamos.

Enquanto tratarmos o grande pedido como um biscoito para o cachorro que obedece as expectativas da ordem de seu dono, o preço que pagamos pelo anel será a manutenção da ordem e do patriarcado.

 

 

Publicado originalmente em: Blogueiras Feministas.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: